Saturday, September 29, 2012

Serras de Valongo, património a descobrir




Serras de Valongo | Portugal
Junto à cidade de Valongo e bem perto do Porto, entre cerros e vales alcantilados, erguem-se as “serra de Valongo”, lugar ermo de aldeias esquecidas, onde a natureza logrou contornar a acção destruidora do Homem, ocultando nas covas mais profundas ou nas cristas mais desérticas, animais magníficos e plantas raras e únicas.

As “serras de Valongo” são constituídas por uma série de elevações formadas essencialmente por cristas de rochas quartzíticas que correspondem a uma dobra anticlinal, tombada para ocidente – Santa Justa (367 m), Pias (385 m) e Castiçal (324 m) – dão corpo a um maciço montanhoso de grande valor natural e paisagístico. 

(...)
O valor ecológico deste espaço montanhoso encontra-se salvaguardado pela sua inserção na rede europeia do Projecto Biótopos CORINE, pela criação, nas serras de Santa Justa e Pias, do Parque Paleozóico de Valongo (PPV).
O PPV é a face mais visível da implementação de dois Projecto LIFE, envolvendo a Câmara Municipal de Valongo, como entidade promotora, e a Faculdade de Ciências do Porto, através dos seus departamentos de Geologia, Zoologia, e Botânica, e o FAPAS como entidades colaboradoras.



Plantas carnívoras | Serras de Valongo
Das várias espécies de plantas carnívoras que vegetam na área deste maciço montanhoso, a maioria é característica das zonas húmidas ou pantanosas, como acontece com as orvalhinhas (Drosera rotundifolia e Drosera intermédia) e a pinguícola-lusitânica (Pinguicula lusitanica), espécie que costuma surgir associada às orvalhinhas, uma vez que possui as mesmas exigências ecológicas. 
Porém, nas charnecas secas e xistosas sobranceiras ao vale de Couce, é possível encontrar ainda uma outra espécie de planta-carnívora, esta bem mais rara e altamente ameaçada: o pinheiro-baboso (Drosophyllum lusitanicum).

Trata-se de um endemismo ibero-marroquino de distribuição altamente localizada em Portugal. Possui folhas verdes alongadas cobertas por pêlos glandulosos vermelhos, recobertos por mucilagem. 



 Trilobites | Serras de Valongo
Ao percorrer as serras de Valongo é possível fazer uma “viagem no tempo”, observando cerca de 300 milhões de anos da história geológica do nosso planeta, uma vez que a sucessão estratigráfica permite aos visitantes pisar terrenos formados desde o Précâmbrico/Câmbrico (com aproximadamente 570 milhões de anos) até ao Carbonífero (com cerca de 280 milhões de anos). 
Nesta viagem ao passado da história geológica da região, merecem especial atenção as jazidas fossilíferas, que serviram de mote à criação do Parque Paleozóico de Valongo. 
A ler o artigo completo aqui
A natural heritage Valongo mountains, near Porto, Portugal. The ecological value of this mountains area is safeguarded by its insertion into the European CORINE.

Geração 'green'
29.09.2012
Creative Commons License

Referências:
Serras de Valongo - um património natural a descobrir e a conservar

No comments: